MOSAICOS DE UMA VIDA

Juntando cada peça forma-se o mosaico de minha vida. Tantos sentimentos me envolvem. Sentimentos ruins, outros bons. Saudade de quem se foi para eternidade. Saudade de quem posso ligar para ouvir a voz. Tristeza pelas metas não cumpridas e alegria pelos objetivos alcançados. Gemidos de dor, outros de prazer.

13 de jun de 2007

Poluição Visual

Tenho acompanhado o debate a respeito dos outdoors que ocupam o espaço público do Recife. Tão logo a prefeitura cogitou a possibilidade de ordenamento, alguns se manifestaram contra as publicações alegando poluição visual. Os que são a favor têm lá seus interesses em afirmar que as placas publicitárias são as melhores do Brasil, particularmente no que se refere à apresentação visual e conservação. De um lado a prefeitura e do outro os principais interessados pela permanência desse tipo de publicidade. Agora um novo assunto me chamou atenção: "Número de moradores de rua no Recife cresceu 84%, entre 2004 e 2005". Quero ver quem irá se manifestar sobre o assunto e qual será o papel das autoridades para mudar o quadro daquelas pessoas sem nenhuma perspectiva para o futuro, vivendo numa vida subumana e ao deus-dará. Isso sim é que é poluição visual e a conseqüência será o aumento da violência na nossa cidade. Mais outro problema que não se resolve.

Publicado em 13.06.2007 - Jornal do Commercio - http://jc3.uol.com.br/jornal/2007/06/13/not_235678.php

5 de jun de 2007

Violência Contemporânea

Acompanhar os noticiários e deparar todos os dias com as mais diversas formas de violência me faz pensar no nosso processo de socialização que se inicia na família e continua na escola. Onde foi que erramos? Fomos educados para vivermos em sociedade, exercendo nossos direitos e deveres de cidadão, porém o que vemos é filho matando pai, marido matando mulher, militar matando civil, isso tudo acompanhado de assaltos, estupros e tráfico de drogas. Para esse fenômeno da violência contemporânea, cabe a cada um de nós agir como humano, cessando todas as barbáries, e ao Estado, se eleger uma forma eficaz de intervenção, não apenas de punição.

Publicado em 05.06.2007 - Jornal do Commercio - http://jc3.uol.com.br/jornal/2007/06/05/not_234513.php