MOSAICOS DE UMA VIDA

Juntando cada peça forma-se o mosaico de minha vida. Tantos sentimentos me envolvem. Sentimentos ruins, outros bons. Saudade de quem se foi para eternidade. Saudade de quem posso ligar para ouvir a voz. Tristeza pelas metas não cumpridas e alegria pelos objetivos alcançados. Gemidos de dor, outros de prazer.

23 de jul de 2011

Nós também precisamos de paz!

A campanha promovida por haitianos pedindo o fim da presença de militares brasileiros em seu país me deixou surpresa e chocada; segundo eles os soldados brasileiros reprimem com força e armas as manifestações populares contra a classe dominante, inclusive manifestações pedindo aumento salarial, além de repreender movimentos sociais, praticam sequestros e violência sexual contra mulheres e crianças.

Não posso deixar de citar o papel essencial do exército durante ocupação nos morros cariocas. Que bom seria se essa missão de paz do Exército brasileiro no Haiti também fosse promovida no Brasil como um todo já que o país está entregue nas mãos dos traficantes de drogas, enquanto grande parte da população brasileira vive presa dentro da sua própria casa temendo a violência. As polícias civil e militar parecem ter perdido o controle da situação. E o exército, por onde anda? Está em “missão de paz” no Haiti.

Segundo um amigo que compõem as tropas do exercito brasileiro “ainda há muito que se fazer no Haiti”. Por isso, quero deixar claro que não sou contra essa missão, desde que realmente seja em favor da paz. Pra mim uma ação não exclui a outra. Nós também precisamos de paz.

Os links abaixo mostram mais detalhes sobre o assunto:

http://conlutaspe.blogspot.com/2009/06/delegacao-de-haitianos-em-pernambuco.html

http://ne10.uol.com.br/canal/cotidiano/pernambuco/noticia/2009/06/22/campanha-promovida-por-haitianos-pede-fim-da-presenca-de-militares-brasileiros-no-pais-191447.php

http://www.miradaglobal.com/index.php?option=com_content&view=article&id=1355:haiti-meses-despues-del-terremoto&catid=27:politica&Itemid=74&lang=pt

14 comentários:

  1. Ao mesmo tempo que fico chocado e surpreso com essa notícia, sei que na prática, deve haver muito fundo de verdade nesse movimento do povo haitiano. Não vamos fingir que não sabemos que existem sim pessoas mal intencionadas e que se prevalecem da posição "superior" para causar mais dor e sofrimento àquele povo já tão castigado! LAMENTÁVEL.. NESSAS HORAS SINTO VERGONHA DE SER BRASILEIRO!

    http://estacaoprimeiradosamba.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, também me surpreendi com o pedido dos haitianos... Muitos de nós brasileiros ficamos com a impressão de que para eles era ótima a presença dos militares... Nos enganamos...

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Eu creio que seja verdade. Os haitianos não inventariam tal história, principalmente na condição precária em que vivem. Claro que não são todos os militares que os tratam mal, apenas os que abusam de seu poder e passam de pessoas a quase semideuses. Uma lástima.
    Quanto à ocupação do morro, eu acho que o exército ainda teria mais utilidade no Haiti. Veja, aqui no Brasil lutamos contra a droga e a violência. Lá eles se matam por água e comida.

    Abraços!

    Ana Carolina Nonato
    Seis Milênios

    ResponderExcluir
  4. òtima reflexão

    se todos nós se juntassemos pra refletir e consientizar as pessoas disso tudo

    o brasil ja tinha melhorado e muito!

    ResponderExcluir
  5. fiquei surpresa, com essa postagem...
    o nosso país precisa de muita paz, quer dizer, o planeta todo.
    como dizia Einstein: não sei como será a 3ª guerra mundial, mas com certeza a 4ª seria com Paus e pedras porque o homem já tem capacidade suficiente de destruir toda a vida sobre o planeta.
    beijos, te seguindo

    ResponderExcluir
  6. Legal, gostei muito do texto. Alguém devia dar uns jeito nesses traficante. Acho que também não só o Haiti precisa de ajudar mais nós também, principalmente aqui no Rio. E esses traficantes só são fortes atrás de uma arma!

    ResponderExcluir
  7. Uau, muito bom! gostei do texto! Seria bom se todos mostrassem as opiniões assim. O país precisa evoluir muito ainda.

    www.fearless-girls.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Também não sou contra a ajuda que o Brasil oferece a países como o Haiti e outros que se encontram em declínio devido a violência e domínio de minorias dominantes, e isto que você falou é totalmente verdadeiro. Enquanto o exército está em missão de paz lá fora, nosso país está entregue ao tráfico e a violência urbana que assola as nossas cidades e afligem a nossa população. A polícia está ai, mas nunca parece ser o suficiente.

    ResponderExcluir
  9. Estou surpreso tmb, pois nunca tinha pensado por esse lado. A imagem que tinha, até entao, era que os militares brasileiros estavam lá para apaziguar :S

    ________________________________
    Se puder retribuir:
    http://entendaque.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá, primeiramente quero lhe agradecer pela visita em meu blog e me desculpar pela demora de minha "retribuição"... Enfim, está tudo muito bonito por aqui. Meus parabéns, querida. Estou seguindo-a já. Sucesso!

    ResponderExcluir
  11. Pobres haiitanos'
    Gente... Isso é tão triste
    Ameei o POST ^^
    http://oque-sentimos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Não sabia que ocorria esse tipo de coisa em relação ao Exército Brasileiro no Haiti. Mas sei que isso é perfeitamente possível de ocorrer.
    Aqui, sofremos abusos todos os dias, e não há exército que nos ajude!

    Abraços!
    =))

    ResponderExcluir
  13. Não sabia desse manifesto!
    Interessante!
    Retribuindo sua visita!
    Obrigada
    http://uaimeu10.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. É mais fácil tentar resolver o problema dos outros ao invés dos nossos... Acho importante a missão, mas, concordo quando fala da necessidade de uma ação aqui.

    ;D

    ResponderExcluir