MOSAICOS DE UMA VIDA

Juntando cada peça forma-se o mosaico de minha vida. Tantos sentimentos me envolvem. Sentimentos ruins, outros bons. Saudade de quem se foi para eternidade. Saudade de quem posso ligar para ouvir a voz. Tristeza pelas metas não cumpridas e alegria pelos objetivos alcançados. Gemidos de dor, outros de prazer.

14 de dez de 2016

Tatuagem de Baobá

Esse é mais um texto sobre tatuagem, provando que por trás dessa arte pode se esconder uma linda história. A protagonista do texto é minha amiga, também socióloga, Juliana Cíntia. 

A imagem da vez é uma árvore, mais precisamente um Baobá.

Para muitas pessoas a decisão de tatuar-se é mais fácil do que a escolha do desenho.
E foi assim com Juliana, que sempre teve vontade de fazer uma tatuagem, mas decidiu aguardar até que encontrasse um elemento representativo, algo profundo e com importante significado.

Até definir sua escolha pensou em vários símbolos, mas acabava concluindo que ainda não era aquilo que queria.

Tatuagem de Baobá
Juliana conta que a partir do ano de 2015 começou a elaborar com mais engajamento as questões raciais e de sua identidade enquanto mulher negra, fato que ganhou muito significado e força em sua vida.

Foi nesse momento que o Baobá ou Iroko entrou em sua vida; esta árvore sagrada africana simboliza a sabedoria da comunidade representada por seus ancestrais.

Apesar de todo sofrimento vivenciado tanto na África quanto na Diáspora Africana, para Juliana essa tatuagem representa uma reverência a sua ancestralidade negra e toda sabedoria que persiste e sobrevive.

2 comentários:

  1. Fiquei emocionada por ver a história da minha tatuagem aqui. Obrigada por esta oportunidade Fafá!

    ResponderExcluir